31 março 2014

Resumo do mês de Março/2014 - 1 mês de blog!




No primeiro post do mês, comecei postando um resumo das coisas que estava acontecendo na “life”: Inicio de mais um semestre na faculdade (Psicologia); Comecei a trabalhar nesse mês (pós-carnaval). Falei o quanto eu estava animada com os preparativos... ; e escrevi (o quanto eu não sabia da continuidade) sobre o estagio básico II e sobre a mania de escrever de madrugada e o quanto eu gosto disso! http://ladomilla.blogspot.com.br/2014/03/aguas-de-marco-ou-resumo-da-opera.htm
 

Enfim, terminei de ler o livro “Teorema Katherine” e na mesma semana vi o meme literário "Li até a página 100 e..." achei melhor do que fazer o resumo do livro (que tanto critico...) http://ladomilla.blogspot.com.br/2014/03/01-teorema-katherine-li-ate-pagina-100-e.html

Esse mês os projetos fotográficos andaram me dando um pouquinho de “dor de cabeça”. Problema meu! Quis entrar em vários projetos e acabei não tendo a resposta “...” que eu estava esperando... Dane-se, vou ficar só em um projeto mesmo (6on6). http://ladomilla.blogspot.com.br/2014/03/6on6-de-fevereiro-verao.htmlhttp://ladomilla.blogspot.com.br/2014/03/seven-days-7on7.html
 
Escrevi um pouco sobre programas de “late show” já que os canais de TV estavam voltando com esse estilo de programa (Agora é Tarde, Programa do Jô, The Noite) http://ladomilla.blogspot.com.br/2014/03/apenas-mais-um-late-show.html
 
 
O que seria de um blog pessoal se não houvesse posts aleatórios sobre a life? Com direito até a GIF de uma maquina de escrever... Escrevi sobre o trabalho, a faculdade, e sobre a continuação do estagio básico II que mudou o período e agora eu terei que aplicar o projeto em outra turma no período matutino. http://ladomilla.blogspot.com.br/2014/03/sobre-essa-semana-e-semana-passada.html
 
 
Ano passado, depois de ler o post desabafo da Jess fiquei tentada de escrever um post sobre os meus motivos de escrever em um Blog. O “ULMM” é um blog mais pessoal (do que os meus blogs anteriores...) e a autobiografia começa no nome “Milla”. A minha primeira auto critica em colocar as fotografias dos meus trabalhos como fotografa “frela” aqui seria focar aqui, como sendo um “blog fotográfico” e querer me promover como o grupo de blogueiros que critico “eu sou!” “eu compro!” “eu como!” “eu visto!” e não tenho a pretensão de escrever DIY sobre como fotografar… http://ladomilla.blogspot.com.br/2014/03/porque-voce-tem-um-blog.html
 
 
Ano passado eu fui a um evento muito massa 2ª Turnê Intrínseca da editora intrínseca e reescrevi o post de como tinha sido o evento e fotografei o kit muito fofo que cada um que foi ganhou; sacolinha com o slogan da turnê com diversos brindes dentro. http://ladomilla.blogspot.com.br/2014/03/2-turne-intrinseca.html esse ano teve de novo! 03ª Turnê Intrínseca e mesmo cansada eu estava lá, levei a minha mãe a tira colo (2 cansadas!) kkk minha mae acabou ganhando a maletinha do evento e deu para mim (ganhei duas!) http://ladomilla.blogspot.com.br/2014/03/03-turne-intrinseca-eu-fuiiiiii.html



 
 
Primeiro trabalho “frila” que posto aqui algumas fotografias aqui no Blog “Aniversário de 1 ano do Guilherme” e o meu primeiro ensaio fotográfico de Gestante a um ano atrás do papai e mamãe do Gui http://ladomilla.blogspot.com.br/2014/03/1-aninho-do-gullherme.html

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Até mês que vem!


29 março 2014

1° Aninho do Gullherme!




Já faz um tem tempo que estou falando sobre fotografia no Blog e mensalmente coloco meus registros fotográficos por aqui também. Irei escrever e colocar meus registros fotográficos no blog na medida em que eu for fotografando profissionalmente.


Nesse Domingo que passou (09) tive a honra de fotografar a festinha de aniversario de 1 ano do Guilherme. Tive a oportunidade de fotografa-lo antes. A primeira vez ele ainda estava na barriga da mamãe Jerusa e nos pensamentos do papai Luiz (ambos papais de primeira viagem). E foi a primeira vez também, que eu estava fotografando um ensaio de gestante (nervosos!).




O tema da festa foi o filme Toy Story com painel com os personagens, bolo e a decoração dos docinhos também.  

O Guilherme se tornou uma criança muito sapeca e um distribuidor nato de beijos e tapas (acabei levando alguns... ninguém mandou apertar suas bochechas rsrsrs). Tirei várias fotos desse garotão.

Acho que terei um primo fotógrafo hehehe


explorando...

Ia escrever que " o tempo passa..." mais isso ja virou clichê demais.

27 março 2014

03ª Turnê Intrínseca: Eu Fuiiiiii !!!





Como eu já havia divulgado no blog antes, ontem aconteceu aqui em Florianópolis/SC a visita da Turnê Intrínseca. Esse é o terceiro ano que a editora promove o evento, e o segundo ano que Floripa entra na rota da turnê e eu participo!





Dessa vez, eu fui com a companhia de “mamis poderosa” consegui carrega-la com muito custo para o evento e no final ela também ganhou a maletinha como brinde e me deu (**). O brinde desse ano é uma maletinha de viagem, na qual você pode colar selos de todos os destinos do evento. Dentro vieram alguns bottons, marcadores, catálogo, bloco de notas e até um broche com a logo da Turnê. Fico devendo fotos melhores dos brindes, pois, não levei a “pequena” e as fotos foram todas com a qualidade de um celular #mimimi.









O evento foi apresentado por dois representantes da editora, a Heloisa Dow já tinha apresentado a 2ª turnê aqui em Floripa e outro menino que estava ali mais como ajudante (não lembro o nome dele...) que nos mostraram os lançamentos, deram possíveis datas e bateram um papo descontraído com os leitores.  


Falaram sobre a nova data que o filme The Fault in Out Stars irá estrear no Brasil (05 de junho) e passaram o trailer (Não importa a quantidade de vezes que eu assisto. Eu sempre choro! Imagina no filme? rs) vi muitos marmanjos com os olhos vermelhos se segurando para não chorar...
A Heloisa tem um jeito de “resenhar” as histórias que da vontade de comprar todos os livros que ainda nem foram lançados. Na turnê passada comprei dois livros (Extraordinário e Vovó Vigarista) só por causa da “resenha” que ela contou.


Os livros que entraram para a minha lista foram:

Silo

Em uma paisagem destruída e hostil, em um futuro ao quais poucos tiveram o azar de sobreviver, uma comunidade resiste confinada em um gigantesco silo subterrâneo. Lá dentro, mulheres e homens vivem enclausurados, sob regulamentos estritos, cercados por segredos e mentiras. Para continuar ali, eles precisam seguir as regras, mas há quem se recuse a fazer isso. Essas pessoas são as que ousam sonhar e ter esperança, e que contagiam os outros com seu otimismo. Um crime cuja punição é simples e mortal. Elas são levadas para o lado de fora. Juliette é uma dessas pessoas. E talvez seja a última.

A estrela que nunca vai se apagar

"Ela me faz lembrar que uma vida curta também pode ser uma vida boa e rica, que é possível viver com depressão sem ser consumido por ela e que o sentido da vida está na união, na família e nas amizades que transcendem e sobrevivem a todo tipo de sofrimento." As palavras são do autor John Green, que era amigo de Esther e escreveu a introdução de A estrela que nunca vai se apagar. A amizade dele com a adolescente foi tão intensa que a história dela serviu de inspiração para o aclamado A culpa é das estelas, publicado pela Intrínseca em julho de 2012. Desde nova, Esther gostava de escrever cartas e diários, e, durante o tratamento contra o câncer, mantinha uma rede de amigos on-line - alguns deles membros da comunidade chamada Nerdfighteria, criada por John Green e seu irmão, Hank, em que jovens discutem sobre livros e ideias para tornar o mundo um lugar melhor. Os irmãos famosos postam regularmente vídeos no YouTube sobre assuntos variados, mas sempre pertinentes ao universo jovem. Quando estava muito debilitada, Esther realizou o desejo de passar um fim de semana na companhia dos amigos, e, com a ajuda da instituição sem fins lucrativos Make-A-Wish, ela, John e um grupo de adolescentes viveram momentos de descontração e emoção. O encontro aconteceu em Boston, em julho de 2010. Em agosto do mesmo ano, logo após seu 16º aniversário, Esther faleceu.

O que me faz pular É uma história real que, um garoto de 13 anos, altista, escreveu sobre sua realidade. De um jeito desenvolvido pelos pais, ele acaba aprendendo a digitar em um teclado. O livro é totalmente dele e é divido em duas partes, um Romance e uma variedade de perguntas que vão te fazer repensar (e se sentir ignorante). 

E um outro livro, com a capa que faz menção ao rosto de Hitler. Uma capa bonita por ser simples, lembrando um pouco a segunda capa do livro Extraordinário.

A quantidade de pessoas foi à mesma do mês anterior sem a loucura de precisar fazer outra seção. Como aconteceu na cidade de fortaleza, por exemplo, e durou em torno de 1 hora e meia eu estava um pouco mais cansada do que o evento anterior por ter saído direto do trabalho para ir ao evento.

Obs: Vou ficar devendo fotos melhores, pois o meu PC pifou de vez e eu não tenho como descarregar as fotos da “pequena” por isso nem a levei para o evento... As fotos que tirei foram do celular por isso a qualidade péssima.

26 março 2014

2ª Turnê Intrínseca.




No mês de Junho/2013 teve aqui na minha “Ilha da Magia” Florianópolis/SC a 2ª Turnê Intrínseca, em parceria com a Livraria Catarinense. Minha cidade mesmo sendo considerada “capital” não passa de uma “cidadezinha do interior” pelo total abandono cultural. Ano passado mesmo com a “greve de ônibus” arrumei um jeito de ir até o local do evento.

O publico para o Evento foi no total de 60 pessoas! Considerando a greve de ônibus e o evento ter acontecido em uma segunda-feira à quantidade de pessoas nesse evento superou as expectativas. Para variar fui sozinha, acabei me sentindo deslocada pela quantidade de adolescentes com a cara cheia de espinha a minha volta… Não sou muito “sociável” quando eu vi que só tinha adolescentes então… O que foi uma pena…     Pois, eu queria ter trocado “figurinhas” com os blogueiros “manezinhos” (literários ou não) e conversar “amantes literários” também estava valendo, claro. Eu pelo menos, amo discutir os livros que li ou que pretendo ler com outras pessoas e ali eu teria aquela sensação de estar falando a mesma “língua”.

A Heloisa Daou (uma fofa, super atenciosa), Diretora do Marketing da Editora deu uma palestra de 01:30 de duração (aproximadamente) falando de como funciona o processo de produção de um livro e de um ebook, a dificuldade que é fazer um lançamento mundial, a compra dos direitos de obras lançadas e futuras, o surgimento e funcionamento da Editora Intrínseca

Ela também falou um pouco da história da Intrínseca e nos mostrou um vídeo para apresentar algumas das pessoas que trabalham na editora. A editora é pequena com 40 funcionários se não me engano parecendo ser um ambiente de trabalho pequeno e familiar. No vídeo cada funcionário falou de uma obra literária com tanto carinho… Ficou nítido quanto esses funcionários são apaixonados por livros assim como eu uma simples leitora amo os meus. Conhecemos as diversas obras por eles publicadas e soubemos em primeira mão sobre todas as novidades e livros que eles pretendem publicar no segundo semestre de 2013 e no primeiro semestre de 2014

No final, a Heloísa fez um sorteio bombástico entre os participantes, mas infelizmente eu não tive sorte em nenhum… Também recebemos um kit muito fofo da Turnê Intrínseca com diversos brindes dentro. 






Hoje tem a  3ª Turnê Intrínseca!
 No próximo post conto tudinho sobre as novidades
 que prometem ter esse evento.



Copyright © 2015 | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo